Área restrita Educandos e Pais

Clique aqui para acessar!

Notícias

Ver lista completa

Boneca Momo

  • Compartilhar:
Prezados pais e/ou responsáveis,
 
A educação tem a nobre tarefa de preparar as novas gerações e as orientar para que sejam capazes de se desenvolver com sabedoria e saúde, tanto mental, quanto física.
 
Estamos atentos, sempre, aos obstáculos que surgem no caminho dessa tarefa de preparação, ainda mais hoje, com a inserção de um mundo virtual ao redor de nossos alunos; um mundo que é extremamente atrativo e desafiador.
 
Estamos diante de mais um desafio, mas, desta vez, ele não vem no formato de uma baleia azul.
 
Ela tem nome, número de telefone e um rosto aterrorizante. Pálida, com cabelos pretos, olhos esbugalhados e um sorriso sinistro, os traços macabros da boneca Momo ficaram famosos pelo WhatsApp. Muito mais assustadores que sua feição horrenda, contudo, são os riscos do contato de crianças e adolescentes com o número de telefone celular que dissemina tal desafio viral.
 
Segundo relatos, um contato envia mensagens para o celular com desafios dos mais variados, que podem chegar ao pedido de sufocamento e até mesmo ao suicídio.
Vale destacar que neste mês teve o início a campanha Setembro Amarelo (Uma campanha de prevenção ao suicídio).
 
O nosso papel e, fundamentalmente, o da família, na educação de nossas crianças e adolescentes, se resume a ter autoridade com firmeza, paciência e persistência nas palavras. Os limites e orientações que passamos a eles formarão o seu caráter futuro. A falta de limites cria jovens que acreditam poder saber tudo, fazer tudo, ter o poder e decisões nas mãos, sem ter que pagar pelas consequências de seus atos.
 
Lembrem-se de que, quem fornece os celulares aos nossos jovens somos nós, seus responsáveis. Portanto, temos o direito e a obrigação de supervisionar o que eles estão acessando em seu “mundo virtual”.
 
Vamos ficar atentos!
 
Débora C. Amorim
Orientadora Educacional
 
 

Acesse de um dispositivo móvel:

Santa Gema
Delta Tech - Gerenciamento de Conteúdo